1 comentário:
De nuvenzinha a 3 de Fevereiro de 2007 às 15:11
O pior é que o tempo não se esquece de nós,clitie,e o momento de amar fina.Nada sobra além da solidão a não ser...a memória passada,e um futuro,a custo,imaginado.Sinto o teu poema quando me penso.

Comentar post